Selecionar menu

Anúncio

Slider

Variedades

Veja nossa série especial

Performance


Cute

My Place

DONA CISLENE

Anúncio


Videos

» » » Série Solo Música abre temporada com Nei Lisboa na Caixa Cultural
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

A Série Solo Música terá sua quinta temporada em Brasília, na CAIXA Cultural. Serão dez atrações de diversos gêneros musicais, que manterão a característica do projeto: apenas um músico no palco. A abertura será em 5 de abril, quarta-feira, às 20h, com o compositor e cantor gaúcho Nei Lisboa. Ele preparou um show inédito, no qual faz a retrospectiva de sua carreira iniciada em 1979 e que lhe rendeu onze discos, além de coletâneas.

A diversidade e a inovação continuam dando a tônica de alguns concertos. Este ano, além de Nei Lisboa, haverá música brasileira de raiz com a mineira Dea Trancoso, instrumental brasileiro com o violeiro Cacai Nunes e o clarinetista e saxofonista Nailor Proveta. Além disso, música norueguesa tradicional com Benjamin Maurseth e latino-americana com o peruano Federico Tarazona. O folk será representado por Benjamin Existe. Haverá, ainda, três recitais de música clássica: do violoncelista Antonio Meneses, da cantora lírica Kismara Pessatti e da pianista Olga Kiun.

“Há música para todos os gostos e concertos que são difíceis de serem agendados, como o de Benedicte Maurseth, que é norueguesa e fará solo de hardanger fiddle, que é o instrumento típico da Noruega. Destaque também para a presença de Antonio Meneses, ele que é um dos principais violoncelistas da atualidade”, diz o curador e produtor Alvaro Collaço. “Outra inovação é a realização de dois concertos temáticos. Benjamin Existe mostrará o folk americano a partir dos seus principais compositores. A pianista Olga Kiun fará recital sobre a Música e a Revolução Comunista, exatamente em outubro, quando se completa 100 anos da Revolução. Olga Kiun, a propósito, nasceu e viveu na então União Soviética”, explica Collaço.

A PROGRAMAÇÃO:

Além da apresentação de Nei Lisboa, em 5 de abril, vários artistas subirão ao palco do Teatro da CAIXA Cultural até janeiro de 2018.

3 de maio - Dea Trancoso
A cantora mineira, que é filha de pais seresteiros e foi influenciada pelos violeiros, cantadores, congadeiros e foliões do Vale do Jequitinhonha, lançará seu mais recente trabalho: “Líricas breves para a construção de uma alma”. Será na Série Solo Música a sua estreia em Brasília.

24 de maio - Cacai Nunes
O violeiro pernambucano, radicado desde a infância em Brasília, mostra as diversas possibilidades da viola brasileira, das tradicionais modas, passando pelo forró e choro.
  
7 de junho - Benedicte Maurseth
A musicista norueguesa é especialista em hardanger fiddle, uma espécie de rabeca e que instrumento típico da Noruega. No repertório, canções tradicionais norueguesas.

3 de julho - Kismara Pessatti
A contralto curitibana, radicada na Suíça e que tem se apresentado em óperas pelo mundo inteiro, fará um raríssimo recital solo, criado especialmente para o projeto.

15 de agosto - Antonio Meneses
Um dos principais violoncelistas da atualidade, o pernambucano Antonio Meneses, que é radicado na Suíça, se apresenta na Série Solo Música com um repertório especialmente escolhido para o projeto.

13 de setembro - Benjamin Existe
O músico natural da Bahia e um dos especialistas em folk no Brasil fará um recital em que traz a música dos principais nomes do gênero dos Estados Unidos: Woody Guthrie, Bob Dylan, Pete Seeger, Tim Buckley e Paul Simon, além de composições próprias.

4 de outubro - Olga Kiun
A pianista nascida no Cazaquistão, na então União Soviética, naturalizada brasileira, fará recital de reflexão acerca dos 100 da Revolução Comunista na Rússia. O recital terá direção de Flávio Stein, tendo como repertório obras de Shostakovich, Prokofieff, Rachmaninoff e Khachatchurian, entre outros compositores.

1 de novembro - Federico Tarazona
Um dos principais intérpretes de charango no mundo, o músico peruano mostrará o quanto é bela a sonoridade do instrumento, que pouco é mostrado no Brasil como solista.

17 de janeiro de 2018 - Nailor Proveta

O clarinetista e saxofonista, diretor da Bandas Mantiqueira, fará seu recital solo com obras clássicas do choro e uma música de Nelson Ayres.

BRASÍLIA POP
brasiliapop@brasiliapop.com
Foto: Divulgação

Sobre Elijonas Maia

Elijonas Maia, 23 anos, é fundador e diretor-geral do Brasília Pop. Começou na internet em 2008, escrevendo para sites especializados na área de TV. Colaborou com o extinto TV Audiência e foi colunista semanal. Escreveu para a revista E-teen até criar o blog Pecevejo, de Variedades, ultrapassando 1 milhão de visitas em menos de um ano. Foi eleito pelo canal pago Multishow uma das 500 pessoas mais influentes do Twitter. Fora do mundo virtual, o jornalista já trabalhou no Jornal Satélite, Revista Freedom, Associação dos Delegados de Polícia Federal (ADPF), Correio Brazilliense, TV Record Brasília e atualmente é repórter do Diário do Poder.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário

Deixe um comentário

Anúncio