Selecionar menu

Anúncio

Slider

Variedades

Veja nossa série especial

Performance


Cute

My Place

DONA CISLENE

Anúncio


Videos

» » » Bell Marques esquenta São João com o lançamento do CD “Forró do Lago 2”
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga



Por Francisco Welson Ximenes

Arraiá, carnaval, axé e muito forró. Todo ano, quando chega a época das festas juninas, o astro baiano Bell Marques envolve seus fãs numa mistura de ritmos, cujo o objetivo é chegar a grande um destino: o Forró do Lago. A festa, que acontece no dia 24 de junho, na cidade de Santo Antônio de Jesus, a 190 km de Salvador, já é uma das mais tradicionais do Brasil. O evento começou na fazenda de Bell e tomou proporções maiores, tendo que mudar de lugar. Este ano, o ídolo baiano receberá na festa o amigo Wesley Safadão, os filhos Rafa e Pipo Marques com a banda Oito7Nove4 e a galera do Aviões do Forró. “Vamos realizar a maior festa junina da Bahia, pois nenhuma outra tem todos esses artistas reunidos na mesma grade. É um evento que merece todo o nosso carinho”, entusiasma-se Bell.

Para celebrar os festejos juninos e colocar todo mundo para dançar, o cantor das multidões acaba de lançar o CD “Forró do Lago 2”, gravado com sua Big Band nos estúdios da Núcleo 55, na Bahia. Marca registrada do artista durante os seus mais de 30 anos de carreira, o forró agalopado, feito especialmente para São João, está presente em quase todos os álbuns já lançados por Bell. Assim como o Volume 1 (lançado em 2015), no Volume 2 o astro da música é ousado e homenageia artistas do cenário forrozeiro com grandes clássicos, além de interpretar canções inéditas e sucessos de seu rico repertório.

Na primeira faixa do CD, Bell logo anuncia: “Êta forrozinho bom danado! Adoro! Esse é o Forró do Lago, coisa boa!” e canta a inédita “Me Faz Enlouquecer”, composta pelo músico juntamente com o pernambucano Nando Cordel. Já na segunda faixa, os fãs já têm a certeza de que realmente muita coisa boa vai encontrar no CD. A canção “Timidez” surge como surpresa, forró romântico no melhor estilo Bell Marques. Composição de Ferreira Filho e Rômulo César, autores de grandes sucessos de bandas de forró como Mastruz com Leite e Mel com Terra, “Timidez” foi sucesso nos anos 90 com a banda Cavalo de Pau.  

Os hits “Tropicana”, de Alceu Valença, e “Esperando na Janela”, de Gilberto Gil, são obrigatórias em todas as festas juninas e Bell as interpreta, na terceira faixa, num xote para dançar coladinho. Na sequência, a empolgante “Palavras de Amor” marca a parceria entre o Rei do Carnaval e os filhos Rafa e Pipo Na quinta faixa, Bell traz “Ainda é Tempo”, composição de Marquinhos Maraial e sucesso do cantor Batista Lima e da banda Limão com Mel.

“Frevo Mulher”, de Zé Ramalho, e “É de Dar Água na Boca”, de Nando Cordel, virou um medley de ouro na metade do CD. Aqui, Bell lembra de sua esposa, Aninha Marques: “Amore, se eu lhe pego, eu lhe quebro toda. Sobra nada!” Por causa da pegada alegre e dançante, muitos fãs já sonharam em escutar “Frevo Mulher” na voz de Bell. Há quem diga que a canção é muito parecida com “Olhos da Noite”, hit gravado em 1985 pelo baiano.

Música que irá compor o primeiro DVD solo de Bell Marques, a inédita “Assim Como Flor” é outra composição do rei da folia com os filhos Rafa e Pipo Marques. Ela já é conhecida de seu grande público e ganhou uma versão forró. Nesta mesma faixa, ainda há duas músicas para a alegria dos fãs das antigas, pois foram gravadas na fase de Bell na antiga banda, o Chiclete com Banana. São elas: “Doce Feito Mel”, do álbum “Sementes” de 1985, e “Pegar Fogo”, do clássico CD “São João de Rua” do ano 2000.

Na faixa número oito, nota-se que Bell foi buscar no baú outra música de uma fase vitoriosa do forró, assim como fez com “Timidez” e “Ainda é Tempo”. Da banda Calcinha Preta, Bell interpreta “Cobertor” (composição de Chrystian Lima), que também foi sucesso com o Araketu. Outro ícone da Música Popular Brasileira, Fagner é homenageado com a clássica “Espumas ao Vento” – canção que foi composta por Accioly Neto e que já fez parte do repertório de Bell no início da última década.

O arraiá do CD Forró do Lago 2 continua com “Flores Pra Te Dar”, mais uma dobradinha entre Bell e Nando Cordel, e dois Bônus Tracks vindos do CD Forró do Lago 1. O pout-pourri com “Mar de Gelo” (última música do último álbum lançado pelo Chiclete com Banana, na fase Bell, em 2012), “O Mistério das Estrelas” (primeira música do LP “Energia” do Chiclete, de 1984) e a agitada “Meu Pobre Coração” (2000) completam a faixa onze. Para fechar com chave de ouro o novo CD, Bell canta uma de suas músicas preferidas, e também querida por todos os artistas e amantes do forró: “Tareco e Mariola” (2000), composição do pernambucano Petrúcio Amorim.

Carnaval e São João, duas épocas especiais do calendário brasileiro, têm a cara de Bell Marques. O “Homi”, ao longo de mais de três décadas, colocou os foliões para pular e arrastar o pé em plena avenida, e por todo canto onde passou. Com sua antiga banda, o Chiclete com Banana, Bell reuniu hits de sua carreira no álbum “No Forró”, de 1992, e gravou um CD inteiro de sucessos do gênero, o clássico “São João de Rua”, do ano 2000 – projetos que ele dá sequência agora com o Forró do Lago. Além disso, o forró característico de Bell foi carimbado em outros discos com as canções “Meu Balão” (1983), “Pra Brincar de Vida” (1990), “ABC do Prazer” (1991), “Pula Fogueira” (1997), “Morango do Nordeste” (2000), “Tem Que Ter Chiclete” (2003), “Forró da Tribo” (2005) e “E Nunca Mais Vai Me Deixar” (2007), entre outros.

Com o Forró do Lago, Bell revela ser um dos artistas mais completos da música brasileira, para privilégio de seus fiéis fãs. “Sou um apaixonado por São João e toda a cultura que envolve essa festa tão brasileira, tão de raiz. Gravar um CD inteiro de forró é uma diversão e uma emoção muito grandes. É para entrar no clima, pois é o melhor repertório do São João”, dispara Bell. O arrasta-pé do CD Forró do Lago 2 está disponível para download. Basta baixar em www.suamusica.com.br/bellmarques e dançar coladinho até o dia amanhecer.


BRASÍLIA POP
brasiliapop@brasiliapop.com
Foto: Divulgação

Sobre Elijonas Maia

Elijonas Maia, 23 anos, é fundador e diretor-geral do Brasília Pop. Começou na internet em 2008, escrevendo para sites especializados na área de TV. Colaborou com o extinto TV Audiência e foi colunista semanal. Escreveu para a revista E-teen até criar o blog Pecevejo, de Variedades, ultrapassando 1 milhão de visitas em menos de um ano. Foi eleito pelo canal pago Multishow uma das 500 pessoas mais influentes do Twitter. Fora do mundo virtual, o jornalista já trabalhou no Jornal Satélite, Revista Freedom, Associação dos Delegados de Polícia Federal (ADPF), Correio Brazilliense, TV Record Brasília e atualmente é repórter do Diário do Poder.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário

Deixe um comentário

Anúncio