Header Ads

Talentos da capital: Wagner Simão, de rockeiro a ídolo sertanejo


Ele tem um milhão de visualizações no Youtube, 140 mil curtidas no Facebook e incontáveis fãs por todo o Brasil. Vaidoso, mas humilde e determinado, o cantor sertanejo Wagner Simão abriu as portas de sua casa, à beira do Lago Paranoá, para a reportagem do BRASÍLIA POP que lista os talentos da capital. Em entrevista descontraída, conversamos sobre sua carreira, seu maior sucesso até agora e da vida pessoal.

A série de reportagens "Talentos da capital" tem início nesta segunda e vai até sexta-feira (29/8), destacando a carreira de cinco grandes artistas de Brasília.

O clipe “Desce”, hit sertanejo de Wagner Simão lançado em 2013, teve repercussão nacional, alcançando em pouco tempo 1 milhão de visualizações e alçando-o à repentina fama. Mesmo assim, o cantor diz que ainda tem como objetivo “entrar, de fato, no mercado”.



A agenda de shows atualmente está lotada. Mas nem sempre foi assim. O jovem prodígio de 24 anos tinha uma banda de rock até os 17 anos, idade em que teve uma reviravolta na vida. Com 18, foi para a Austrália fazer intercâmbio. “Durante os seis primeiros meses, eu só convivia com brasileiros e ouvia muita música do país, mas nos outros seis eu me distanciei e só tinha contato com estrangeiros. Mas a música brasileira nunca saiu da minha vida”, lembra.

De volta ao Brasil, o rock já não fazia parte de sua vida. Com 19 anos, ele começou a cursar Direito no Uniceub e a cantar música sertaneja, que, segundo ele, é paixão antiga do avô. O curso ainda não está completo e Wagner ainda não é advogado. “Falta uma matéria e o trabalho final, o TCC, mas não tenho tempo. A vida está corrida”, diz.  

Não ter tempo para estudar, no entanto, em nada afeta o cantor. A carreira musical vai muito, obrigado. Em abril deste ano, Wagner abriu o show da dupla Zezé di Camargo e Luciano na Villa Mix e se sentiu honrado e realizado. Além deles, o cantor já cantou no mesmo evento que Luan Santana.



E a cada dia que passa, Brasília se torna mais sertaneja. Antes reconhecida como Capital do Rock, hoje há espaço para todos os gêneros, do jazz ao pagode, e do funk ao pop. “O sertanejo se tornou a música popular do Brasil e a capital da República tem espaço para todos os estilos. O cenário é muito grande e tem lugar para todos. Basta batalhar para isso”, comenta.

ROTINA
Antes de ingressar no meio musical, quando cursava direito, Wagner Simão trabalhou na empresa da família. O trabalho era de 7h às 19h, de segunda à sexta-feira. Hoje em dia, porém, a rotina é completamente diferente, mas não menos cansativa. “Eu nunca paro de trabalhar, já que eu sou o ‘produto’. Então, agora digo que trabalho bem mais do antes, na empresa da família”, reforça.

Ele ensaia ao menos três vezes por semana, no estúdio do condomínio, com a banda de oito pessoas, apesar de ter estúdio em casa. O Brasília Pop conheceu o estúdio, mas antes de ir, Wagner Simão se alimenta com uma maçã. “Só vou comer daqui a quatro horas, então preciso me alimentar. Além disso, é boa pra garganta”, conta.

VAIDADE
“Que homem não é vaidoso hoje em dia?”, indaga o artista quando questionado se ele se considera vaidoso. “Agora, eu sou o produto e preciso me cuidar. Mas não tem exagero, apenas preciso me manter ‘apresentável’”. 

Cabelo bem cortado, sobrancelha arqueada milimetricamente e sorriso considerado perfeito. Além dessas características, Wagner malha todos os dias da semana.

A vaidade chama atenção das mulheres, que o consideram “galã do sertanejo universitário”. Mas às fãs apaixonadas, o cantor não está solteiro. Ele mantém em segredo, apenas diz que com a vida corrida que tem, “dá tempo para namorar, sim”.

ÍDOLOS
O cantor americano John Mayer é a principal influência de Wagner Simão na música. No Brasil, o artista admira a carreira de Daniel e da dupla Jorge e Mateus, que “são completos”, e Ivete Sangalo como referência feminina.



Confira o sucesso "Desce", de Wagner Simão:



ELIJONAS MAIA / BRASÍLIA POP
Supervisão: Suênia Dantas
brasiliapop@brasiliapop.com
Fotos: Elijonas Maia/Divulgação

Tecnologia do Blogger.