Header Ads



Esperando Rei Zula anima Ska Sessions no Salada Cultural


O ska originário da Jamaica no final da década de 1950 combina elementos caribenhos como o jazz, jump blues e rhythm and blues. Em suas letras trazem sinais de insatisfação, abordando temas como marginalidade, discriminação, a vida dura da classe trabalhadora, e acima de tudo a diversão em harmonia com o naipe de metais. É nesta fórmula que o Salada Cultural Bistrô (716 Norte) traz a renomada banda Esperando Rei Zula para uma Ska Sessions neste sábado, 29, às 21h. 

A banda faz um som instrumental inspirado nos mestres do ska jamaicano e do movimento 2 Tone, tendo influência de rock, jazz e música brasileira. No repertório estão versões de grandes compositores brasileiros, como Villa Lobos, Pixinguinha e Jacob do Bandolim, passando por canções clássicas do ska e do rock internacional.

Em sua formação, o Esperando Rei Zula conta com os integrantes do Móveis Coloniais de Acaju Esdras Nogueira (sax), Gabriel Coaracy (bateria) e Xande Bursztyn (trombone), com Rafael Farret (guitarra) e Seu Dreher (teclado), ambos do Bois de Gerião, e Pedro Ivo (baixo), do Prot(o).

Nos intervalos, a discotecagem fica por conta de Coaracy e MV Milk com clássicos para os amantes do ritmo jamaicano.

Serviço:
Show com Esperando Rei Zula
Sábado | 29/3 | 21h
DJ set com Coaracy & MV Milk
Entrada: R$ 15 até 23h. Após, R$ 20.
Salada Cultural Bistrô - 716 Norte 


BRASÍLIA POP
brasiliapop@brasiliapop.com 
Foto: Divulgação

Tecnologia do Blogger.