Header Ads

Comer Barato em Brasília? Economizze

Restaurante Toro inaugura em Brasília na 104 Sul

Laura Gregol e Fábio Gregol
Especializado em parrilla, o restaurante Toro abriu as portas de seu primeiro estabelecimento em Brasília na tarde desta segunda-feira (27/1), em almoço para a imprensa. Na capital há quase 19 anos, o jovem empresário gaúcho Fábio Gregol realiza um sonho com essa abertura, já que tem na família toda uma herança gastronômica (avô, pai e mulher também são donos de restaurantes). A casa oferece pratos tradicionais do Rio Grande do Sul, da Argentina e do Uruguai, no almoço e no jantar.

O local tem 250 lugares, dos quais 180 no salão térreo e 40 na sala vip no primeiro andar, que será aberta em até 40 dias, de acordo com Gregol. O projeto é assinado pelas arquitetas Mônica Pinto e Isabel Veiga, que optaram por usar tijolinho, cimento e madeira numa ambientação descrita como rústico chique. Quadros com ilustrações que remetem o Rio Grande do Sul são peça-chave na decoração.

No menu, pratos que homenageiam um pouco de cada colonizador que chegou à região dos Pampas, no Rio Grande do Sul. Alguns já são conhecidos na cidade, como o Galeto do Sogro, criado em homenagem à família da mulher de Fábio, proprietária da Galeteria Gaúcha (108 Sul e Lago Norte).

Bife Ancho
Comandando as caçarolas está o chef Alexandro Panta, braço direito de Fábio Gregol há 13 anos. O restaurante, além de servir ancho, chorizo, picanha, asado de tira, vacio (fraldinha) e costela larga, oferece carne de sol com mandioca, prestigiando a tradição nordestina brasileira.

Polenta com queijo ralado
O cardápio ainda é composto por saladas, entradas, pratos exclusivos, carnes, peixes, risotos, massas e sobremesas. O destaque vai para as receitas de criação própria como o Lombinho Porto Alegre, lombo de porco marinado, selado na parrilla e envolto em crosta de parmesão (R$ 51 – R$ 71); a tilápia candanga, filés de tilápia frescas, produzidas aqui no Distrito Federal, grelhadas na parrilla (R$ 37) e o Anita Garibaldi, tortelli recheado com abóbora e queijo gorgonzola (R$ 42).

Petit gateau de doce de leite
São oferecidas, também, cerca de 15 opções de acompanhamentos, entre elas quatro tipos diferentes de arroz e as famosas papas toro (R$ 13 – R$ 16 – R$ 21). E as homenagens à região não param por aí. O Toro também traz a autêntica maionese de batatas (R$ 10 – R$ 16 – R$ 27) e ensalada radicchio com bacon, folhas de radicchio com cubinhos de bacon e cebola caramelizada (R$ 17,50 e R$ 23,50).

Além de tudo isso, outra iguaria que promete agradar o paladar brasiliense é o chivito, do Uruguai, onde o naco de carne de churrasco é servida no pão fechado, como sanduíche (R$ 21).

Elijonas Maia e Fábio Gregol
O Brasília Pop marcou presença na inauguração do restaurante Toro e parabeniza o restauranter Fábio Gregol pelo mais novo empreendimento.

Restaurante Toro
Endereço: CLS 104 Bloco C loja 29 – Asa Sul
Telefone: (61) 3225-0494
Horário de funcionamento: segunda a quinta-feira das 12h às 15h e das 19h a 0h, sexta-feira e sábado das 12h às 16h e 19h a 0h e domingo das 12h às 17h



ELIJONAS MAIA / BRASÍLIA POP
brasiliapop@brasiliapop.com
Foto: Jean Copetti

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.