Selecionar menu

Anúncio

Slider

Variedades

Veja nossa série especial

Performance


Cute

My Place

DONA CISLENE

Anúncio


Videos

» » » » Exposição fotográfica "Os filhos deste solo" apresenta histórias de superação da pobreza
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga


O olhar autoral de cinco artistas – os fotógrafos Edu Simões e Marcelo Curia, a artista visual Rochelle Costi, o músico Dani Roland e o cineasta Felipe Diniz – documenta o desenvolvimento social do país nos últimos dez anos. Esta é a exposição multimídia Os Filhos Deste Solo: olhares sobre o povo brasileiro, que será aberta na próxima sexta-feira (11/10), no Anexo do Museu da República, em Brasília, e fica em cartaz até o dia 31 de outubro.

A mostra traz painéis e projeções fotográficas, documentos, vídeos, depoimentos, infográficos, trilha sonora original e instalação artística que mostram os impactos positivos das novas políticas públicas na vida dos brasileiros. Como fio condutor da mostra estão as histórias de cinco mulheres de Sergipe, Pará, Rio Grande do Sul, São Paulo e Rio de Janeiro. Todas são beneficiárias do Programa Bolsa Família e, em diferentes estágios, estão superando a situação de pobreza. 


Por meio de fotografias e vídeos, o paulista Edu Simões e o gaúcho Marcelo Curia contam a história de vida e superação de cada personagem: Odete fez um curso de qualificação profissional e trabalha como armadora de ferragem na construção civil no Sul; Cida produz alimentos orgânicos em pleno Semiárido; Ivanilda, a silenciosa artesã e agricultora da floresta; Maria, retirante do sertão, que alimenta crianças em uma creche na Rocinha; e Iolanda, que superou as drogas em nome dos filhos e hoje trabalha e vive na selva urbana de São Paulo.

“As personagens representam a ampla diversidade cultural, étnica e regional brasileira e ilustram o cotidiano de famílias que superaram a situação de exclusão por meio de programas sociais e conquistaram uma vida melhor pelo trabalho”, explica a curadora da mostra, Carla Joner. 

A artista Rochelle Costi e o cineasta Felipe Diniz trabalharam com um acervo de cartas enviadas por cidadãos e beneficiários de programas sociais ao Governo Federal. A instalação Envio, de Rochelle, é um móbile feito a partir de fac-símiles de cartas, e as Vídeocartas, de Diniz, reproduzem trechos dessas cartas nas vozes de atores. 

A montagem de Os Filhos Deste Solo: olhares sobre o povo brasileiro conta com área expositiva interna de aproximadamente 500 metros quadrados, dividida em dois ambientes, com projeto cenográfico e museográfico concebido pelo arquiteto Álvaro Razuk. O cuidado com a ambientação e a criação de um percurso intimista mostra os diversos aspectos levantados pela curadoria.

A exposição é realizada pela Caixa, com apoio do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), e faz parte da comemoração dos dez anos do Programa Bolsa Família – série de eventos com o objetivo de mostrar a trajetória do programa de transferência de renda, seus resultados e sua contribuição para os avanços na vida da população (confira a programação completa no hotsite dos 10 anos do Bolsa Família). A partir de fevereiro de 2014, a mostra percorrerá outras regiões do país. 

Artistas participantes: Edu Simões, Marcelo Curia, Rochelle Costi, Felipe Diniz, Dany Roland, Carla Joner

Serviço
Exposição Os Filhos deste Solo: olhares sobre o povo brasileiro
Quando: de 11 a 31 de outubro, de terça a domingo, das 9h às 18h30
Onde: Anexo do Museu da República - Setor Cultural Sul lote 2
Visitas guiadas: agendamento pelos telefones (61) 8117-7077 e 3962-3011 ou pelo email giselle.cerimonial@gmail.com (com Giselle Varela)
Entrada franca 


BRASÍLIA POP
brasiliapop@brasiliapop.com
Fotos: Divulgação

Sobre Elijonas Maia

Elijonas Maia, 23 anos, é fundador e diretor-geral do Brasília Pop. Começou na internet em 2008, escrevendo para sites especializados na área de TV. Colaborou com o extinto TV Audiência e foi colunista semanal. Escreveu para a revista E-teen até criar o blog Pecevejo, de Variedades, ultrapassando 1 milhão de visitas em menos de um ano. Foi eleito pelo canal pago Multishow uma das 500 pessoas mais influentes do Twitter. Fora do mundo virtual, o jornalista já trabalhou no Jornal Satélite, Revista Freedom, Associação dos Delegados de Polícia Federal (ADPF), Correio Brazilliense, TV Record Brasília e atualmente é repórter do Diário do Poder.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Anúncio