Header Ads

Time de futebol americano de Brasília precisa de ajuda; contribua


Fundado em outubro de 2011, o time de futebol americano feminino “Brasília Alligators”, que já participou de quatro torneios em todo o Brasil, precisa de ajuda. O time, que contém 35 jogadoras na equipe, necessita de R$ 3 mil para ir até Pindamonhanga, em São Paulo, disputar a última etapa do Campeonato Brasileiro. Para arrecadar a quantia, as meninas decidiram montar uma vaquinha online. Qualquer doação é válida.

A atleta Raquel Araújo, 27 anos, está na equipe desde a fundação. A jovem faz parte da diretoria e é capitã do time. Segundo ela, o futebol americano é um esporte sem preconceitos. “Me apaixonei desde o primeiro treino. É um esporte para todos. Temos jogadoras de 14 a 35 anos, que pesam de 45 kg a 110 kg. Todas as pessoas têm uma vaga”, conta.

Por não ser um esporte divulgado no país, o time brasiliense vem sofrendo dificuldades. “São muitas viagens, não temos apoio e temos que arcar com todos os custos, neste caso em especial, com a hospedagem que será cobrada além dos equipamentos”, explica a atleta Raquel. A equipe também está atrás de patrocinadores. “Para conseguirmos essa ajuda precisamos de uma visibilidade maior para o esporte”, diz.

Como ajudar
Quem quiser doar qualquer quantia, basta clicar aqui. A participação da equipe no campeonato é importante pois será uma forma de definir a seleção feminina brasileira. Em 2014, será realizado o Campeonato Mundial de Futebol Americano onde o Brasil pretende disputar pela segunda vez. “Pedimos a colaboração de todos. É um sonho que pretendemos e vamos alcançá-lo”, ressalta Raquel.

Participar do time

Meninas a partir de 14 anos podem participar do time. Parar entrar, basta ir em algum treino da equipe. O “ Brasília Alligators” se prepara para os campeonatos todas as quartas e sextas às 19h, nas quadras de areia do Parque da Cidade, ao lado do Nicolândia. Aos domingos, elas se reúnem às 15h no Centro de Treinamento do clube na 205 Sul, atrás da Delegacia da Mulher.

por Jéssica Nascimento,
do portal E aí, Leu?

BRASÍLIA POP
brasiliapop@brasiliapop.com
Tecnologia do Blogger.